ARTIGOS

HPV


HPV é um vírus cuja abreviatura significa papilomavírus humano. Existem diversos subtipos deste vírus, que podem causar desde verrugas em pele e mucosas, até lesões mais graves, como câncer de colo de útero. Os HPV são classificados em tipos de baixo e alto risco para câncer. Entre os de baixo risco, o 6 e o 11 são os mais frequentes e causam sobretudo
verrugas no trato genital. Os tipos de HPV com potencial capacidade de causar câncer
de colo do útero são chamados de oncogênicos, especialmente o HPV-16 e HPV-18,
presentes em cerca de 70% dos cânceres cervicais.

O HPV genital é transmitido principalmente pelo contato direto de pele com pele durante o sexo vaginal, oral ou anal.
Entre os principais fatores de risco para infecção por HPV do trato genital destacam-se a multiplicidade de parceiros
sexuais, idade inferior a 25 anos, e início sexual precoce da atividade sexual.

Na maior parte das vezes a infecção cervical pelo HPV regride algum tempo após a exposição ao vírus. Entretanto, as células cervicais podem permanecer infectadas pelo vírus em alguns casos, com potencial desenvolvimento de lesões precursoras. Se não tratadas adequadamente, estas lesões podem evoluir para o câncer de colo de útero. É importante ressaltar que as infecções pelo HPV geralmente não apresentam sintomas. Tanto homens e mulheres podem estar com o vírus sem manifestar sintomas clínicos.

A progressão do câncer de colo do útero está associada às proteínas virais E6 e E7 do HPV. Estas proteínas desligam alguns genes supressores de tumores, podendo levar a uma maior proliferação celular das células de revestimento do colo do útero, e potencial desenvolvimento do câncer.

 

Referências:
http://www1.inca.gov.br/conteudo_view.asp?id=2687
http://www.oncoguia.org.br/conteudo/causas-do-cancer-de-colo-do-utero/6716/283/
http://www.oncoguia.org.br/conteudo/hpv-e-cancer-de-colo-do-utero/2581/488/

Fonte: mulherconsciente.com.br